Boate King Melie

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Boate King Melie

Mensagem por Emily Lisbeth Stoker em Ter Jun 26, 2012 9:02 pm

Boate King Melie


É ali onde o pessoal da Capital se diverte. De dia é um barzinho, com mesas dispostas e um ambiente gostoso, mas, de noite, aquele lugar pega fogo. As mesas são retiradas, e a pista de dança metalizada, parecendo um espelho, aparece. Luzes e mais luzes fluorescentes surgem das paredes. A música é alta. O local está quase sempre lotado, tanto de dia, quanto de noite.

avatar
Emily Lisbeth Stoker
Presidente de Panem
Presidente de Panem

Mensagens : 348
Data de inscrição : 16/04/2012

Ver perfil do usuário http://rpgpanem.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Carolyn Victoria Stoker em Dom Mar 17, 2013 4:18 pm



Por quarto anos estivera sozinha. Carolyn jamais quis o trono de Panem, porém, de uns dois anos para cá, estava sendo assaltada por pacificadores, papparazzi e todo o tipo de gente, perguntando-a se seguiria o caminho da mãe e do avô. Mas não era o que ela queria. Não era o que gostaria para si e não estava pronta para assumir Panem com apenas dezesseis anos. Quando teve-se notícia de que Emily voltara, Carolyn ficara com um pesar de olhar no rosto da mãe. Tinha dezoito anos e não sabia mais o que fazer de sua vida. A única pessoa que tinha ao seu lado era Johan. Havia começado a namorar com ele quando tinha seus quinze anos, e o mentor do distrito dois fora o único em que pôde confiar desde o sumiço da mãe. O namoro já durava tempos, e ela sentia como se fosse... dele.

- J... - chamou ela, sentando-se em um dos diversos sofás que a boate tinha. Aquilo estava sempre cheio, e era no final da noite... Bem pelo começo da madrugada. Carolyn não conseguia se manter em casa porque a mãe estava de volta e não queria cruzar com ela pelos corredores. Já era maior de idade, afinal. Já podia andar de um lado para o outro quando bem entendesse. As asas de anjo implantadas havia algum tempo estavam brilhantes como as luzes da danceteria. O branco era brilhante e puro, e se alternava quando as luzes coloridas batiam nelas. - E agora, o que eu faço? - questionou o namorado, que estava particularmente lindo aquela noite. A loira usava um vestido vermelho tomara que caia, e os cabelos em ondas caiam sobre suas costas e ombros.

Ela parecia um anjo de verdade, por mais que fosse. Os dois tentavam fugir um pouco da rotina, apesar de estarem em um local lotado. Ser filha da presidente lhe dava algumas... regalias. Ela e Johan se encontravam em uma sala privativa aberta, para poderem ouvir o som das batidas lá embaixo, ver e compartilhar as imagens da boate, por mais que estivessem sozinhos. O local possuía uns dois sofás brancos, uma mesa com petiscos e um espaço. Além de um monte de almofadas. Ela se sentia bem ali. A música a distraia de tudo o que estava acontecendo.

Carolyn estendeu os braços e chamou Johan para sentar-se junto dela. Precisava dele como nunca tinha precisado antes.



- - - Carolyn Victoria Stoker - - - Capitol - - - Angel wings - - - Innocent - - - Johan - - -
Alice: Quanto tempo dura o eterno? Coelho: Às vezes um segundo.
avatar
Carolyn Victoria Stoker
A Capital
A Capital

Mensagens : 16
Data de inscrição : 16/04/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Johan Eve Carter em Dom Mar 17, 2013 5:12 pm



My angel ...




Para Johan não importava se estava a semanas do inicio dos jogos e seus tributos precisassem dele, tinha alguém que precisava mais dele nesse momento e era um alguém pelo qual ele largaria qualquer coisa para segundo plano. Seu grande amor Carolyn se encontrava em um momento de grande dificuldade com o retorno de sua mãe que a tinha abandonado.
Se tinha alguém que conhecia essa história muito bem era Johan, eles tinham começado a namorar pouco antes dos últimos jogos e tinha vivido com ela todos esses momentos de dificuldade dos anos que sua mãe sumiu, mas quando as coisas estavam começando a se arrumar novamente ela retorna, o choque para a garota tinha sido inevitável.
Nos últimos dias eles saiam constantemente, era obvio que ela não queria parar em casa, mas pela primeira vez parecia que ela não estava mais aguentando tudo, para apoiar a sua princesa Johan deixava de lado o guerreiro que tinha dentro de si e se tornava muito carinhoso.
Essa noite eles estavam em uma boate, mas não no meio da multidão, em um lugar reservado onde eles poderiam conversar a vontade.
Ela estava ainda mais linda aquela noite, mesmo depois de tanto tempo Johan não deixava de admirá-la, seus longos cabelos loiros combinavam perfeitamente com as asas o que fazia com que ela parecesse muito com um anjo, se ele pudesse ficaria ali o tempo inteiro olhando para ela, mas ela estava precisando dele.
- E agora, o que eu faço? – Ela fala enquanto se senta no sofá que ali estava.
Johan não tinha uma resposta exata para ela aquele momento, então ele se senta ao lado dela e a abraça carinhosamente enquanto faz um carinho em seus cabelos.
-Meu anjo, sei o quanto você deve estar abalada com tantas mudanças dos últimos dias, mas de qualquer forma... – Ele para alguns segundos antes de falar para escolher as palavras adequadas – Bem, ela é a sua mãe! E acho que se tem alguém que a Emily realmente ama, esse alguém é você.
Ele desce suavemente ao seu rosto e depois fala em um tom carinhoso.
-E além disso, eu vou estar sempre aqui com você. Não precisa ter medo de nada, vou te proteger independente do que aconteça como tenho feito todos esses anos.


avatar
Johan Eve Carter
Mentor - Distrito 2
Mentor - Distrito 2

Mensagens : 5
Data de inscrição : 04/03/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Carolyn Victoria Stoker em Qui Mar 21, 2013 11:27 pm



- Não. Ela não ama ninguém, J. Nem a mim. Você não viu como ela... Como ela olhou para mim pela primeira vez que me viu, algora que voltou. Quase com dor. Quase como se não quisesse que eu existisse. - disse Carolyn, sentindo o peso do ódio. Johan se sentou ao lado dela e passou a acariciar seu rosto. A loira tinha uma expressão de dor e tristeza. Não queria que nada daquilo estivesse acontecendo. Arqueou as sobrancelhas e abraçou o namorado. Ele era a única coisa que ela tinha no momento, e tinha razão. Johan que cuidara dela por todos esses anos.

Era o amor de sua vida e muito mais do que isso. Ele era dela. - E eu agradeço por isso. Gostaria de poder retribuir de alguma forma o que você fez. Ainda acho que não provei o suficiente que te amo. E não imagino ainda como irei fazer isso, mas... - comentou, passando os lábios pelas bochechas dele até chegar ao ápice bucal, os lábios do mesmo. Seu beijo era quente e tinha até um pouco de desespero, embora não deixasse de ser carinhoso. Parou de ouvir a música, os sons dos habitantes da Capital, os sons de seu coração. Tudo o que ouvia era sua respiração. Deixou que os braços fossem para trás e encostou no sofá, puxando Johan para si. O peso do corpo nas asas doía um pouco, mas ela não se importava. Era uma dor melhor do que a dor do abandono. A pequena pausa quase a fez chorar. - Mas eu espero que saiba disso. - sorriu Carolyn, passando os dedos com delicadeza pelos negros cabelos de Johan.



- - - Carolyn Victoria Stoker - - - Capitol - - - Angel wings - - - Innocent - - - Johan - - -
Alice: Quanto tempo dura o eterno? Coelho: Às vezes um segundo.
avatar
Carolyn Victoria Stoker
A Capital
A Capital

Mensagens : 16
Data de inscrição : 16/04/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Ryan C. de Carvalho em Seg Abr 08, 2013 9:24 pm

Estava cansado de ficar em casa, meu dia tinha sido bastante trabalhoso, e queria sair para descontrair um pouco, tomei um banho me arrumei, estava vestido com uma calça jeans com uma camisa polo colorida e um tênis, passava pela ruas da capital quando olhei uma boate que se chamava Boate King Melie, parecia legal então entrei, o local estava cheio mais isso não me encomodava, fui em direção ao balcão e pedir um copo de vodka, sentei num banco alto que mudava de cor quando as luzes batiam nele, olhando para um lado e para outro vendo quase todo colorido, quando vejo uma bela garota entrando na boate, tinha cabelos castanhos claro e era extremamente bem sexy. Viro-me para o balcão e pesso ao garçom dois copos de vodka e vou ao encontro dela. -Olá me chamo Ryan e trouxe essa bebida para você, e como você se chama bebê?Falei sem pensar e eu estava esperando a resposta que ela poderia me da um fora.
avatar
Ryan C. de Carvalho
A Capital
A Capital

Mensagens : 22
Data de inscrição : 07/04/2013
Idade : 19

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Viollet Jones em Ter Abr 09, 2013 1:54 pm



Se Divertindo.

O barulho da musica me chamou a atenção, se tinha algo que a Capital sabia fazer eram festa...baladas e barzinhos para o divertimento do pessoal. Eu nunca fui o tipo de garota que ficava em casa sendo uma dona de casa e sim aquela garota que arranjava problemas e tinha de ouvir broncas estupidas que só roubavam seu tempo.

Naquele dia nada estava indo muito bem, meu pai andava piorando e pelo que parecia suas dividas de jogo também, tinha medo de me perguntar ate quando teríamos a casa se dependêssemos dele, Carrie minha irmã estava melhorando na clinica psiquiatra e isso era bom... mas mesmo assim ela não podia chegar perto de nada que possuisse corte, sem espelho nem copos de vidros ou facas pra cortar a comida. Eu sabia que ela odiava isso mais ela necessitava, principalmente agora que ainda não sabia o estado do nosso pai, isso a destruiria mais ainda.

Como não aguentava pensar ficar em casa resolvi dar uma "voltinha" pela Capital e talvez beber um pouco, okay eu não podia com alcóol, não porque não tinha estomago pra isso mais porque eu me tornava insuportavelmente má ao consumo dele. Peguei meu vestido vermelho colado com um corte ao lado e passei sobre meus lábios um batom da mesma cor que parecia realçar meus lábios. Mandei um beijo para o espelho e logo em seguida coloquei meu salto alto.

Ao sair de casa algo me chamou a atenção, era uma boate... não tive tempo de olhar-lhe o nome apenas entrei. Logo que entrei pude ver as luzes piscando eletronicamente, as luzes piscavam de um lado ao outro fazendo-me ficar mais animada. Caminhei ate o bar e pedi uma tequila com morango dentro, logo em seguida o bar man trouxesse a bebida e lhe dei uma piscadela enquanto lhe deixava sem graça e bebia o liquido, a tequila desceu queimando e me fez ter certeza que só uma taça não faria diferença.

. -Olá me chamo Ryan e trouxe essa bebida para você, e como você se chama bebê? -disse uma voz que me fez olhar para trás.

Cruzei minhas pernas sentada sobre a cadeira e olhei o garoto, ele era moreno é tinha um rosto amigável... todos os homens tinham no começo, peguei o poco de vodka que ele trazia. Se fosse realmente boa eu aceitaria seu convite, se não iria usa-lo. A bebida afinal era boa, descia queimando e fazia minha cabeça revirar de um lado para o outro, levantei uma de minhas sobrancelhas olhando-o com a taça de vodka na mão.

- Olá Senhor Ryan. Viollet Marry Jones ao seu dispor. -disse dando enfase no Jones e dando outro gole na taça logo em seguida mordendo o labio inferior e voltando a lhe olhar. -Bom...não e minha bebida preferida mas dá pro gasto.

Giro minha cadeira ficando agora de frente para ele é olhando-o melhor agora, esse tal de Ryan era realmente bonitinho realmente, ele era alto e elegante assim como todo mundo na Capital era, se ele quisesse realmente algo comigo estava perdendo tempo já que não era de dar o braço a torcer tão rapido.


tags: Onde estou e com quem estou.
Notas: algumas coisas importantes.
Roupas: melho%20drapeado%2004.jpg
musica: Coloque aqui
Créditos : Elena Gilbert @ Mystical Falls


avatar
Viollet Jones
A Capital
A Capital

Mensagens : 13
Data de inscrição : 07/04/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Ryan C. de Carvalho em Ter Abr 09, 2013 3:05 pm

Chegando perto dela, ela se vira para mim com um ar sedutor que me deixava louco, vestida com um vestido vermelho, que era a minha cor favorita e o batom dela também vermelho que me deixava com a maior vontade de beija-lá, mais isso eu tinha que me controlar. Quando ela fala: - Olá Senhor Ryan. Viollet Marry Jones ao seu dispor. Fala com um ar de sedutora, aceitando minha bebida ela fala: -Bom...não e minha bebida preferida mas dá pro gasto. E em seguida vira-se para o balcão, chego sentando ao seu lado. Essa garota é difícil, mais se eu quero alguma coisa com ela terei que lutar bastante eu não ia dá a meia volta e sair dali, ela é bonita, sexy, sedutora e me deixava cheio de tesão. -Então Senhorita Marrie qual sua bebida preferida? Digo-le dando um sorriso e olhando em seus olhos.
avatar
Ryan C. de Carvalho
A Capital
A Capital

Mensagens : 22
Data de inscrição : 07/04/2013
Idade : 19

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Viollet Jones em Ter Abr 09, 2013 4:00 pm

-Então Senhorita Marrie qual sua bebida preferida?-perguntou ele chegando mais perto do balcão com um olhar provocante de quem parecia interessado realmente, ele me pegou um pouco de surpresa. Normalmente os caras simplesmente faziam-me a proposta particular, sera que ele me conhecia realmente?

O que afinal os homens pensavam? Talvez tudo...talvez nada.Vai saber...

-Tequila misturada com vodka e um morango dentro, Sr. Ryan. E você?.-respondi pegando a taça que havia ganhado e dou um gole grande logo em seguida passando meus dedos no canto da boca para que o liquido não acabasse borrando meu batom vermelho, não podia me dar ao luxo de ficar borrada logo no começo da festa.

Com cuidado coloquei a taça de volta no balcão e voltei a lhe olhar, nossos olhos se cruzaram e dessa vez meu interesse por saber o que afinal ele pensava pareceu ficar pior, coloquei meu cabelo atrás da orelha e então dei meu terceiro gole enquanto descruzava minhas pernas e levantava uma sobrancelha, sorri de leve dando uma leve olhada em sua boca e voltando ao seus olhos.

-Sr. Ryan você gostaria de me dar essa dança?-perguntei fitando a pista de dança, o chão brilhava de diversas cores e não importava quantas vezes o visse nunca perdia o interesse pela decoração do ambiente, a musica era algo eletrônico e divertido que fazia o corpo de todos se moverem com a musica... vi alguns pole dances nos dois lados da boate e a pista parecia me esperar. Me levantei puxando-o comigo.
avatar
Viollet Jones
A Capital
A Capital

Mensagens : 13
Data de inscrição : 07/04/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Ryan C. de Carvalho em Ter Abr 09, 2013 5:40 pm

Ela me responde:-Tequila misturada com vodka e um morango dentro, Sr. Ryan. E você? Ela me pergunta em seguida pegando minha bebida e em seguida limpando a boca e me olhando nos olhos, me deixando cada vez mais louco. -A minha bebida preferida Senhorita Marry é vodka com um limão, mais agora é tequila misturada com vodka com um morango dentro.Respondo olhando em seus olhos e rindo enquanto ela desencruzava as pernas e colocando suas mechas de cabelo para trás e me perguntando: -Sr. Ryan você gostaria de me dar essa dança? Ela me perguntava já se alevantando. -Claro que sim senhorita Marry, só precisso de uma coisa, garçom me da duas tequilas com vodka com um morango dentro. O garçom me da as bebidas e entrego uma a ela e caminhamos para a pista de dança e começamos a dançar, chegando perto de seu ouvido e falando. -Senhorita Marry você é muito bonita, você ta usando minha cor favorita e eu já estava de olho em você desde a hora em que você entrou pela aquela porta. Olhando em seus olhos e me aproximando cada vez mais e dando um beijo em sua boca. Esperando qual seria a sua reação.
avatar
Ryan C. de Carvalho
A Capital
A Capital

Mensagens : 22
Data de inscrição : 07/04/2013
Idade : 19

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Viollet Jones em Ter Abr 09, 2013 6:15 pm

-A minha bebida preferida Senhorita Marry é vodka com um limão, mais agora é tequila misturada com vodka com um morango - respondeu ele, dei um sorriso no canto da boca tentada a olhar sua boca novamente mas não o fiz.

-Claro que sim senhorita Marry, só preciso de uma coisa, garçom me da duas tequilas com vodka com um morango dentro.-pediu ele ao bar man.

Logo em seguida duas taças novas apareceram não muito tempo depois do pedido, dei meu primeiro gole na nova bebida e logo a mesma parou de fazer efeito em minha garganta, isso já era normal... quando se bebe ao ponto de não sentir mais o álcool queimar em sua garganta pode ter certeza de que estará perdendo totalmente sua sanidade e se perdendo no doce aroma do pecado que cada gole injeta em suas veias e te domina.

Caminhamos pela pista de dança sentindo o gosto da musica tomar conta de nosso corpo, dou um sorriso de leve e dou outro gole delicioso na bebida que agora parece água para mim, ao chegar no centro da pista de dança giro meu corpo ficando de frente para Ryan e o olhando. Ryan chega perto de meu ouvido, sinto um tremor em meu corpo ao seu toque, a musica e alta e mesmo assim sei que se ela não estivesse ele faria questão de chegar perto de mim.

-Senhorita Marry você é muito bonita, você ta usando minha cor favorita e eu já estava de olho em você desde a hora em que você entrou pela aquela porta. -disse el em meu ouvido.

Passei meus dedos em volta de seu ombro, por mais que seu elogios fossem sinceros eu lembrar-me do mesmo tom que todos eles usavam comigo...algo meigo, delicado e fofo ate terem o que queriam de mim. Coitado, mal sabia ele que não era o tipo de garota boazinha e bobinha. Cheguei perto de seu ouvido e disse-lhe susurrando:

-Obrigada Sr. Ryan, todos amam vermelho porque ele sempre realça o que não deveria e o que deveria.-respondo chegando mais perto dele provocando-o. -Pois não deveria estar, não sou o tipo de garota que você deveria procurar.

Vou pouco a pouco, centímetro por centímetro me afastando dele ate ver seu rosto perto do meu. Seus lábios tocam os meus com delicadeza e ternura, passo minha mão sobre sua nuca puxando-o para mais perto como seu meu corpo desejasse o seu, subo minha mão para seu cabelo e retribuo o beijo enquanto sinto a batida da musica em nossa volta.

Algo me chama a atenção, tinha que me lembrar quem eu era e como havia terminado meu ultimo "flerte". Desliso meus labios para longe dele e apenas o observo com um sorriso meio sarcastico.

-Eu avisei que era perigo. -digo me afastando um pouco mais, dou-lhe minha taça e uma piscadela indo em direção ao pole dance.

Subo em cima dos degraus, com cuidado passo meus dedos pelo cano e começo a dançar...as vezes rebolando, girando, jogando o cabelo pra um lado ou para o outro, mando um olhar um tanto quanto perigoso para Ryan...talvez assim ele finalmente se tocasse que tipo de garota eu era é como o jogo funcionava comigo.



avatar
Viollet Jones
A Capital
A Capital

Mensagens : 13
Data de inscrição : 07/04/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Ryan C. de Carvalho em Ter Abr 09, 2013 7:25 pm

Eu pego minha bebida e bebo um pouco, esperando o que Marry faria, ela gostou do meu beijo e me retribui, pegando seus braços e colocando ao redor do meu pescoço quando ouço ela falar-Obrigada Sr. Ryan, todos amam vermelho porque ele sempre realça o que não deveria e o que deveria.Fiquei meio fora de questão por ela dizer TODOS, quando ouço: -Pois não deveria estar, não sou o tipo de garota que você deveria procurar.Mais uma vez achei estranho, e de novo ouço a falar:-Eu avisei que era perigo.Ai que eu fui saber que ela era dançarina "profissional de strep theaser", pois começou a tocar uma musica bastante sensual e ela largou dos meus braços, subiu em um pole dance e começou a dançar, eu queria me divertir mesmo, e vi uma oportunidade ali, começei a perceber que ela era bem má, mais ela achou uma pessoa também má.Você gosta de brincar né Marry? Disse para ela, como eu não tinha mesmo vergonha e depois que eu bebia virava outro, bebi mais um gole de minha bebida, dei para uma pessoa que estava ao meu lado os copos vazios, subi no pole dance. Você quer dançar de verdade Marry? Fiquei atras dela, ela começou a ir até em baixo e eu junto com, ela virou de frente e começamos a dançar uma dança bem sensual, dei um outro beijo nela e começamos a nós divertir, sabia que ela queria isso mesmo, e eu que sou muito baladeiro.
avatar
Ryan C. de Carvalho
A Capital
A Capital

Mensagens : 22
Data de inscrição : 07/04/2013
Idade : 19

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Viollet Jones em Ter Abr 09, 2013 8:02 pm

-Você gosta de brincar né Marry?-disse-me Ryan, minhas costas estavam encostadas no pole e uma mecha de cabelo caia sobre meu rosto, olhei-o dando um meio sorriso e piscando para ele enquanto passava minha linguá em meus lábios.

-Não faz a menor ideia Sr. Ryan.-respondi jogando meu cabelo para o lado esquerdo e levantando uma sobrancelha enquanto fazia cara de inocente.

Quem diabos viria que apos ver uma garota dançar no pole dance ele ainda sim daria em cima de mim tendo alguma ideia de como eu agia? Bom, talvez no final tivesse realmente todo tipo de pessoa na Capital e assim como eu ele não parecia ser diferente. Ryan subiu as escadas e foi ate o pole dance onde me encontrava, sorri de leve olhando-o... subi devagar encostada no pole e o olhei a centímetros do meu rosto.

-Você quer dançar de verdade Marry? -pergunto ele perto de mim.

-Adoraria Sr. Ryan...-digo com um sorriso malicioso.-Pode me chamar de Viollet.

Ryan chegou bem mais perto de mim e me beijou ardentemente, nossos lábios se tocaram como se pulsassem um pelo outro, mesmo enquanto dançávamos eu podia sentir algo estranho. Algo quente e estranho, joguei meu cabelo pro lado novamente e encostei minhas costas na dele enquanto dançávamos eu podia sentir o desejo por mais...o pecado era algo delicioso isso eu já sabia, o que não sabia era o quão delicioso seria desfrutar dele com Ryan.

-Aceita mais uma bebida Sr. Ryan?-perguntei encostando minha boca em sua bochecha, girei ficando de frente para ele agora e encostei minha testa na sua enquanto passava minhas unhas de leve pelo seu braço e dizia. -Com sua licença, preciso de outro drink...- com isso dou-lhe um empurrão de leve para que encoste no pole e chego perto dele ficando poucos centímetros, antes que ele possa me beijar saiu de lá indo em direção ao bar, pego um drink e o olho dando-lhe uma piscadela e caminhando ate uma mesa de jantar.




avatar
Viollet Jones
A Capital
A Capital

Mensagens : 13
Data de inscrição : 07/04/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Ryan C. de Carvalho em Ter Abr 09, 2013 9:36 pm

Ela me respondi:-Não faz a menor ideia Sr. Ryan.Ela é do tipo de garota má, eu gostava disso. o. -Pode me chamar de Viollet. Disse ela, com certeza ela devia me achar diferente, pois mesmo sabendo o que ela fazia continuei dando em cima, quando ela me beijava começava a ficar quente era difente, como alguma coisa que não sei como explicar, só sei que eu gostava disso. -Aceita mais uma bebida Sr. Ryan? Pergunta ela, passando seus labios em minha bochecha, encostando sua testa na minha e passando suas unhas de leve em meu braço, isso me deixava todo arrepiado sei lá porque isso, só sei que era bom.-Com sua licença, preciso de outro drink... Disse ela, me empurrando de leve, fazendo eu me enconstar no pole dance e chegando perto de mim e saindo em direção ao balcão onde pega uma bebida, desso do pole dance e vou ao balcão pegando uma vodka com limão e indo na direção dela, onde ela se senta numa mesa de jantar e sento ao seu lado. -Você dança muito bem e sabe deixar um homem doido, você dança a muito tempo? Digo-le bebendo a minha bebida e rindo sem tirar os olhos dela. -Você é extremamente sexy e sedutora ao mesmo tempo. Dizendo e dando-le outro beijo, eu não sei de onde veio isso mais eu gostava dela. Você é diferente das outras que já vi você tem cara que esconde muitos segredos Vaillet, segredos que eu terei prazer em descobrir, saiba de uma coisa você fez com que eu goste de você eu não sei se é amor ou só desejo, mais acho que você não se importaria com isso. Falo para ela terminando de beber minha bebida. -Você gostaria de outra bebida Vaillet?Mais antes dela falar pesso mais duas e o garçom traz tequila e vodka.
avatar
Ryan C. de Carvalho
A Capital
A Capital

Mensagens : 22
Data de inscrição : 07/04/2013
Idade : 19

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Viollet Jones em Ter Abr 09, 2013 11:52 pm

-Você dança muito bem e sabe deixar um homem doido, você dança a muito tempo?-perguntou-me Ryan quando chegou perto da mesa.

Franzi minha testa, aquilo não era o tipo de coisa que normalmente comentava com as pessoas mais Ryan parecia especial, e também porque a bebida me dava forças e me fazia se sentir luxuosa e perigosa ao mesmo tempo.

-Bom, desde que preciso sustentar minha família Sr. Ryan.-respondi colocando a taça de vodka sobre a mesa e olhando-o, pelo jeito ele desejava um relatório completo sobre mim.

Antes de outra pergunta qualquer Ryan chegou perto de mim, seus lábios tocando o meu novamente, eu gostava disso... trabalhávamos em um mesmo ritmo que se completava arduamente, não sei se foi a vodka ou a tequila mais sei que antes que o beijo termina-se mordi-lhe o lábio inferior puxando-de leve para mim e então o soltei dando-lhe tempo para reagir.

-Você é extremamente sexy e sedutora ao mesmo tempo.-contou-me ele.

-Não sou a unica... queria que você me visse sobria, se arrependeria de achar isso!
-respondi dando logo em seguida uma piscadela. Estava começando a me soltar, o lado alegre e não só o complicado...o que afinal ele estava fazendo comigo?

-Você é diferente das outras que já vi você tem cara que esconde muitos segredos Vaillet, segredos que eu terei prazer em descobrir, saiba de uma coisa você fez com que eu goste de você eu não sei se é amor ou só desejo, mais acho que você não se importaria com isso.Você gostaria de outra bebida Vaillet?-disse ele.

Uma sombra invadi meu rosto, ele havia tocado em uma ferida complicada. Respirei fundo e dei outro gole que terminou minha taça por inteira para tomar coragem.

-Não deveria Sr, Ryan, nem tudo sobre mim e bom.-respondo com a voz fria, não queria ofende-lo porque estava gostando dele mas infelizmente eu andava de um lado muito ruim e começava a ter medo por ele. Olhei-o novamente com um olhar inocente e frágil dessa vez contendo minha voz em um tom mais caloroso.-Grandes homens caem por culpa de pequenas mulheres Sr Ryan, sinceramente você e um ser complicado de entender...mesmo sabendo o que eu faço esta aqui flertando comigo, por que? Se fosse apenas negocio não precisaria de tudo isso iria logo ao ponto. Mas não, estava apenas bebendo e conversando comigo... se não me importasse realmente já haveria lhe roubado a carteira e fugido a muito tempo. Sim aceito outra bebida.
avatar
Viollet Jones
A Capital
A Capital

Mensagens : 13
Data de inscrição : 07/04/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Ryan C. de Carvalho em Qua Abr 10, 2013 12:50 am

Ela respondi: -Bom, desde que preciso sustentar minha família Sr. Ryan. Bom ela não fazia aquilo por que queria mais sim para sustentar sua familia. -Não sou a unica... queria que você me visse sobria, se arrependeria de achar isso! Disse ela bebendo mais um gole desua bebida. -Então queria vê você do jeito que é sem estar sobria eu tenho certeza que você seria do mesmo jeito que é comigo agora.Digo-le olhando em seus olhos. -Não deveria Sr Ryan, nem tudo sobre mim e bom.A voz dela mudou ficou fria, mais depois melhorou. -Todo mundo tem alguma ruim, assim como você eu também poderia ter alguma coisa ruim.Digo-le olhando em seus olhos. -Grandes homens caem por culpa de pequenas mulheres Sr Ryan,sinceramente você e um ser complicado de entender...mesmo sabendo o que eu faço esta aqui flertando comigo, por que? Se fosse apenas negocio não precisaria de tudo isso iria logo ao ponto. Mas não,estava apenas bebendo e conversando comigo... se não me importasse realmente já haveria lhe roubado a carteira e fugido a muito tempo. Sim aceito outra bebida. Esses grandes homens que cairam por causa de pequenas mulheres, eles sabiam o que tavam fazendo mais mesmo assim continuaram, e eu não sou igual a esses homens, e sim sou um ser complicado que acabei me apaixonando, assim como você se apaixonou por mim, por isso você não me roubou, pois mesmo parecendo ter um lado sombrio você acabou de se apaixonar e eu mesmo sabendo o que você faz acabei me apaixonando, você tem um lado sombrio por causa que não foi amada de verdade e isso você pode tê ao meu lado.Pegando as bebidas da mão do garçom e dando para ela uma, e começei a beber um pouco da outra olhando-na.
avatar
Ryan C. de Carvalho
A Capital
A Capital

Mensagens : 22
Data de inscrição : 07/04/2013
Idade : 19

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Viollet Jones em Qua Abr 10, 2013 8:48 am

Dei um sorriso de leve e olhei para a mesa de jantar, ela possuía duas velas dentro de jarros de espelhos que pareciam refletir ainda mais a luz sobre a mesa, coloquei novamente a mesa de cabelo atrás da orelha e o olhei um pouco mais tranquila.

-Todo mundo tem alguma ruim, assim como você eu também poderia ter alguma coisa ruim.-falou ele.

Olhei para ele um pouco surpresa ate, quem diria que ate ele tinha seu lado sombrio.

-Esses grandes homens que cairam por causa de pequenas mulheres, eles sabiam o que tavam fazendo mais mesmo assim continuaram, e eu não sou igual a esses homens, e sim sou um ser complicado que acabei me apaixonando, assim como você se apaixonou por mim, por isso você não me roubou, pois mesmo parecendo ter um lado sombrio você acabou de se apaixonar e eu mesmo sabendo o que você faz acabei me apaixonando, você tem um lado sombrio por causa que não foi amada de verdade e isso você pode tê ao meu lado.-continuou ele

-Como pode ter tanta certeza que me apaixonei Sr Ryan? E psicologo por acaso, porque se for estará perdendo seu tempo em tentar me entender. Talvez tenha, talvez não.... ninguém se apaixona tão rapido por outra pessoa, isso só e um jeito para dar nome a luxuria. Cuidado luxuria e um pecado que domina a Capital... e não, não foi por causa de um homem que me tornei o que sou, bom talvez em outro momento lhe conte. -disse.

Outra taça chegou, 4 taças de bebida e mais uma chegando agora. Realmente uma taça nunca foi o meu forte, cruzei as pernas e sorri de leve olhando-o beber novamente, retirei minha taça da mesa e dei um gole grande deixando a mesma pela metade, o morango flutuava no fundo da taça. Peguei-a e a mordi comendo-a, logo em seguida limpei o quanto da minha boca para que não borrasse o batom vermelho.

-Sr Ryan acho melhor ir embora, gostaria de me companhar pelo Parque Palace?-perguntei levantando um sobrancelha e descruzando as pernas.
avatar
Viollet Jones
A Capital
A Capital

Mensagens : 13
Data de inscrição : 07/04/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Ryan C. de Carvalho em Qua Abr 10, 2013 11:42 am

Ela me responde: -Como pode ter tanta certeza que me apaixonei Sr Ryan? E psicologo por acaso, porque se for estará perdendo seu tempo em tentar me entender. Talvez tenha, talvez não.... ninguém se apaixona tão rapido por outra pessoa, isso só e um jeito para dar nome a luxuria. Cuidado luxuria e um pecado que domina a Capital... e não, não foi por causa de um homem que me tornei o que sou, bom talvez em outro momento lhe conte. Chega mais outra rodada de bebidas e ela pega uma e pego a outra enquanto ela desencruza as pernas e morde um pedaço do morango.-Sim sei que você se apaixonou porque você me olha diferente e eu não sou psicologo Viollet, eu gosto de você me importo com você agora e não é uma luxuria ou você não acredita em amor a primeira vista? E sim gostaria que você me contasse mais sobre você depois.Falo para ela bebendo um pouco de minha bebida e rindo. -Sr Ryan acho melhor ir embora, gostaria de me companhar pelo Parque Palace? Ela me pergunta. -Claro que sim senhorita Viollet, gostaria muito acompanhar você. Me alevanto da mesa e esperando ela se alevantar para eu acompanhar ela até o parque palace.
avatar
Ryan C. de Carvalho
A Capital
A Capital

Mensagens : 22
Data de inscrição : 07/04/2013
Idade : 19

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Viollet Jones em Qua Abr 10, 2013 2:56 pm

-Sim sei que você se apaixonou porque você me olha diferente e eu não sou psicologo Viollet, eu gosto de você me importo com você agora e não é uma luxuria ou você não acredita em amor a primeira vista? E sim gostaria que você me contasse mais sobre você depois.-respondeu ele.

-Faça por merecer e eu faço valer a pena.-contei terminando minha taça de bebida e voltando a lhe olhar.

Ryan se levantou logo em seguida me levantei também ficando ao lado dele, não olhei para trás enquanto iamos embora dali. Meu salto começou pinicar com dor então retirei-o no meio do caminho, corri ate um poste de luz e girei meu corpo sobre ele... eu estava feliz e não fazia a minima ideia de porque. Olhei para Ryan e lá estava ele encostado no poste de luz, dei um meio sorriso e girei novamente só que dessa vez parei na metade do caminho beijando-o. Não importava quantas vezes lhe beijasse seus labios sempre seriam labirintos.

-Então Sr Ryan, o que leva um cara a ir em uma Boate daquelas?-perguntei enquanto entravamos no Parque. -Já sabe o que fara amanhã?-continuei, o tempo não parecia muito bom... um tom de chuva o algo do genero.


ENCERRADO, CONTINUA NO PARQUE

avatar
Viollet Jones
A Capital
A Capital

Mensagens : 13
Data de inscrição : 07/04/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boate King Melie

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum