Casa dos Lenhadores

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Casa dos Lenhadores

Mensagem por Emily Lisbeth Stoker em Sex Jul 20, 2012 4:09 pm

casa dos lenhadores


Não é só uma casa. É quase um galpão, que guarda os machados e as ferramentas dos trabalhadores do Distrito. Ali também há um lugar com sofás, para descansarem no intervalo dos trabalhos. Mulheres e crianças também trabalham cortando madeira...

avatar
Emily Lisbeth Stoker
Presidente de Panem
Presidente de Panem

Mensagens : 348
Data de inscrição : 16/04/2012

Ver perfil do usuário http://rpgpanem.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Casa dos Lenhadores

Mensagem por Devin Cornelius em Sab Dez 15, 2012 1:49 pm

A Day
...On my silly hard life...


O caminho até a cerca era longo e sinuoso, devido aos diversos pacificadores à espreita - caso fosse pego eu seria, muito provavelmente, punido em público com algumas dezenas de chibatadas. Por sorte, o horário - por volta das 4 a.m. - favorecia-me, uma vez que a guarda entorno da cerca era reduzida, e os poucos pacificadores restantes tiravam cochilos frequentemente. Às vezes tenho a impressão que o desleixo é proposital, para que o menos abastados pudessem tirar sua fonte extra de renda, assim nenhum dos lados sairiam prejudicados - inclusive nunca importaram-se em consertar os buracos da rede. Porém, a palavra 'bondoso' e 'pacificador' não ficam bem na mesma palavra, então evito esse tipo de reflexão para não irritar-me comigo mesmo.

"Você ficará na cabana dos lenhadores, certo, Violet?" Minha feição era autoritária, mas não conseguia mantê-la por muito tempo para minhas irmãs, ou seja, logo se transforma num sorriso sugestivo. Obviamente ele retruca "Não! Vou até a cerca!", queria me ver são e salvo até o último segundo, só que era impossível ela ficar me esperando na cerca, e muito perigoso voltar até um local não vigiado sem mim. Sinto que dessa vez seria difícil convencê-la apenas com palavras, já a tinha enrolado a semana inteira. "Hmm, eu trago as pedrinhas coloridas da cachoeira para você -" Normalmente não sugeria isso, a cachoeira ficava bem adentro da floresta, naquele horário nenhum luz do luar entraria pelas poucas frestas deixadas na junção de galhos e folhas do pinheiro, mas, além de fazê-la ficar, deixaria-a feliz. "-O-Ok, Devin..." Eu notei uma dúvida e tristeza na voz dela, com certeza não queria deixar de me acompanhar, só que minha proposta era tão tentadora que acabou aceitando, mas ficando chateada consigo.

Pela continuação do caminho até a cabana eu tento confortá-la, afirmando que aquela era a decisão certa e ela só me atrapalharia me seguindo - o que seria pior para ambos, uma vez que se ela fosse avistada enfrentaria os pacificadores para deixá-la, e poderia acabar morto, aliás, acabaria morto. Nos prós e contras ela vê que eu tinha razão, entretanto mudou de assunto - assim como eu, Violet não gostava de errar, mas ela aceitava que errou, eu negava. Palpito meu bolso para ter certeza que o precioso pedaço de pão ainda estava lá, e estava. Mais alguns minutos se passam até que podemos avisar a cabana, era maior e mais confortável que minha casa, afinal, tinha sofás. Não eram tão confortáveis como os da casa da prefeitura, que tinham um tecido suave, macio e confortável. Só fui lá uma vez, quando meu pai sofreu o acidente, mas lembro-me perfeitamente daqueles sofás.

Ao chegar lá percebo que Violet estava com frio, aquela região era mais gélida mesmo, já que ficava mais próxima à floresta, então a umidade aumentava e a sensação térmica diminuía. No interior da cabana seria mais quente, contudo, não poderia ver minha irmã sentir frio, logo retiro minha jaqueta de couro - herança de família, não teria dinheiro para comprar algo igual, já quis vendê-la e ter semanas de comida, no entanto, minha mãe nunca permitiu, acho que era de seu pai ou avô - e coloco-a sobre os ombros pequenos de Violet. A imagem é engraçada, talvez desse duas ou três delas ali. Será que eu estava alimentando-a mal? Não, não. Eu era grande mesmo e nunca percebi, porém magro, mas mesmo assim Violet era mais, e o que falar de Lily? Não chegava nem aos 30 quilos.

"Você vai precisar dela, Devin! Eu já tenho e minha e aqui é quente, não sou tão fraca!" Eu rio deixando-a nervosa, entretanto, não poderia argumentar contra aquilo e sei que passaria muito frio na floresta sem ela e poderia pegar algumas doenças transmissíveis. "Tá certo, Violet, me devolve então." Pego-a e visto-me sem mais delongas, ela continua zangada. "Tem algo para pedir?" Isso a anima, ela sempre pedia algumas ervas e plantas para o tratamento de pessoas - ela e Lily atuavam como curandeiras, pois a maioria dos habitantes não tinham dinheiro para um médico. Dessa vez não foram apenas algumas ervas e plantas, era uma lista escrita no papel para não ter chance de esquecer. Agora me toquei que nas últimas semanas ela não havia pedido nada, provavelmente para me poupar, porém o estoque deveria te acabado.

Acomodo-a em um dos confortáveis sofás e retribuo o beijo na testa que ela me dera quando acordei. Toda vez fazia isso, ela gostava. Antes de finalmente partir, Violet me abraça fortemente, como se não quisesse me soltar, mas tenho que ir. Não pego nenhum dos machados ou armas, eles notariam na hora se eu pegasse - acho que tem alguma espécie da alarme - e a punição era a morte, contudo, os lenhadores durante os anos esconderam alguns pequenos machados nos troncos ocos de algumas árvores, esses eu poderia utilizar. Ao passar pela porta a vejo comendo o pedaço de pão. Eu não comeria o meu agora, apenas depois de conseguir algumas coisas na floresta.

"Volto logo, me espere quietinha, Vi..." Ela me interrompe, não gostava de despedidas, mesmo que eu voltasse em algumas horas. "Traga minhas pedras!" Ela me lembrou, eu já havia esquecido.

Tanks[Somente administradores podem ver este link]



avatar
Devin Cornelius
Distrito 7
Distrito 7

Mensagens : 8
Data de inscrição : 13/12/2012
Idade : 22

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum